Av. Irmãos Piccoli, 267 - Centro - (49) 3532 1051

VEREADORES SOLICITAM MOÇÃO DE REPÚDIO DEVIDO AO CORTE DO PROGRAMA ANTIGRANIZO

0

A Câmara de Vereadores de Tangará realizou na noite desta segunda-feira (21) a terceira sessão ordinária do mês de outubro. Um projeto de lei deu entrada na Casa Legislativa:

Projeto de Lei n.º 043/2019 “INSTITUI O CONSELHO MUNICIPAL DE POLÍTICAS CULTURAIS, ESTABELECE DIRETRIZES E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS”.

Foram aprovados em segunda e última votação por todos os Vereadores os seguintes projetos:

Projeto de Lei n.º 041/2019 “DISPÕE SOBRE A ABERTURA DE CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS”.

Projeto de Lei n.º 042/2019 “DISPÕE SOBRE A ANULAÇÃO E SUPLEMENTAÇÕES DE DOTAÇÕES ORÇAMENTÁRIAS QUE ESPECIFICA”.

Na palavra livre a Vereadora Rosely Debastiani solicitou que fosse encaminhado um ofício ao Poder Executivo para a colocação de placas indicando a Linha Flor da Serra para auxiliar os motoristas que ali transitam. A Vereadora também comentou sobre a sinalização da Imasa, porém é pertencente ao município de Monte Carlo. Por fim, Rosely sugeriu que fosse feita uma Moção de Repúdio para que haja o repasse do programa antigranizo pelo Governo do Estado, pois hoje esse recurso sai dos cobres do próprio município.

A Vereadora Maria Miria Rambo comentou a fala da Vereadora Rosely e afirma que há anos Tangará não é mais contemplado no programa antigranizo, apenas Videira e Fraiburgo que recentemente também foi cessado o convênio. Maria Miria solicita um ofício a Secretaria de Saúde parabenizando-os pelo evento Outubro Rosa em prol da prevenção ao Câncer de Mama e que ações como essa ajudam a diminuir os casos e merecem ser enaltecidas.

A Vereadora Zeila Albiero comentou que aconteceu neste último domingo a final de vôlei feminino e masculino no Ginásio Municipal e parabenizou todos os organizadores do campeonato. A Vereadora enfatizou também a importância do esporte na vida das pessoas e pede um ofício de agradecimento ao Professor Enigir Ceron e ao Diretor de Esportes de Tangará. Zeila também solicita a viabilidade de colocação de um redutor de velocidade na Rua Francisco Nardi devido ao fluxo de veículos.

O Vereador Nilvo Dalla Costa leu uma carta recebida da Deputada Federal Angela Amin a respeito da aprovação da PEC 98/2019, que se trata de uma destinação para os Estados e Municípios de parte do que será arrecadado pela União nos leilões de petróleo. O valor para o município de Tangará, de acordo com o cálculo realizado pela assessoraria do Senado, seria de aproximadamente R$ 795.818,32. O Vereador também comenta sobre o ofício do Deputado Altair Silva sobre a ACITA, onde visa a criação de novas empresas no município e pede que seja apoiado este projeto. Por fim, Nilvo também é favorável a criação da Moção de Repúdio sobre o programa antigranizo.

O Presidente Gilvanio Pontel comentou sobre a Audiência Pública que aconteceu no dia 14 de outubro em Florianópolis a respeito do projeto 165/19 do Deputado Jerry Comper. Pontel comentou que vários líderes políticos estavam presentes e que este projeto é polêmico, pois os grandes municípios não são favoráveis. O Presidente também comentou sobre o programa antigranizo e pede que sejam enviados ofícios a Casa Civil, Assembleia Legislativa e ademais órgãos competentes.

A Vereadora Rosely Debastiani comentou a fala do Presidente Gilvanio e afirma que estes cortes do programa antigranizo são um descaso do Governo Estadual

A Vereadora Maria Miria Rambo também solicitou o uso da palavra para comentar a fala do Presidente e afirma que os agricultores dos municípios merecem esta atenção, devido aos casos de granizo que ocorreram nesta última semana e causaram grandes estragos na região.

Nada mais havendo o Presidente Gilvanio Pontel encerrou a presente sessão e convocou os Vereadores para a próxima, marcada para o dia 29 de outubro às 19h00, em virtude do dia do funcionário público na segunda-feira (28).

Deixe um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.