Av. Irmãos Piccoli, 267 - Centro - (49) 3532 1051

VEREADORES CRIAM MOÇÃO DE APELO SALIENTANDO A PREOCUPAÇÃO COM A PROPOSTA DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA SOCIAL (PEC 06/2019)

0

A Câmara de Vereadores de Tangará realizou na noite desta segunda-feira (08) a segunda sessão ordinária do mês de abril. Uma moção deu entrada na Casa de Leis:

Moção de Apelo n.º 002/2019, que tem por objetivo salientar a preocupação com a proposta de Reforma da Previdência Social (PEC 06/2019), apresentada ao Congresso Nacional, que altera profundamente as regras da Previdência Rural, que se aprovada, nos moldes propostos, excluirá a maioria dos trabalhadores e trabalhadoras rurais da Previdência Social.

Foi aprovado em primeira votação por todos os Vereadores presentes na sessão o Projeto de Lei n.º 011/2019 “DISPÕE SOBRE A ABERTURA DE CRÉDITO ADICIONAL SUPLEMENTAR E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS”.

Na palavra livre o Vereador Nei Altenhofen declarou seu Voto de Pesar pelo falecimento do Sr. Myron Boesing que foi o criador da melodia do hino de Tangará e também maestro da Sociedade de Cantores União do Lageado Grande.

A Vereadora Maria Miria Rambo enalteceu as agências financeiras e cooperativas de crédito devido a colocação de tapumes para melhor segurança da população em suas transações bancárias. A Vereadora solicitou um ofício ao Poder Executivo para realizar a troca de lâmpadas dos postes de iluminação pública da Rua Julio Fuganti e também que aumente a potência das mesmas, pois há estudantes e trabalhadores que ali trafegam diariamente necessitando de segurança. Maria Miria ainda comenta sobre o assunto da sessão passada sobre a pagamento no IPTU das roçadas nos terrenos urbanos e salienta que a Administração Municipal possui amparo legal para efetuar as cobranças.

O Vereador Oscar Zimermann solicita a Secretaria de Obras que fosse realizar uma manutenção no Loteamento Novo Horizonte, pois em dias de chuva alaga a propriedade da Senhora Lucy Boesing.

O Presidente da Casa Legislativa solicitou informações a Central de Atendimento do SAMU em Joaçaba de como é realizado o protocolo de assistência, pois há reclamações do mal funcionamento do serviço onde há a recusa de enviar uma ambulância para prestar socorro. Pontel salienta que é belíssimo o trabalho dos funcionários do município de Tangará-SC, que muitas vezes gostariam de realizar o atendimento, mas são orientados pelo médico do SAMU de Joaçaba a não dar o suporte que muitas vezes é necessário.

Nada mais havendo o Presidente Gilvanio Pontel encerrou a presente sessão e convocou os Vereadores para a próxima, marcada para o dia 15 de abril às 19h00.

Deixe um Comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.